quinta-feira, 17 de junho de 2010

De Repente, Califórnia

Já assisti a muitos filmes, na verdade, sou apaixonado por cinema, principalmente cinema em casa, um bom cobertor, aquela bacia de pipoca, uma boa companhia, ai... tudo de bom.
Assisti a um filme recentemente e quero compartilhar aqui, há alguns filmes que simplesmente merecem serem esquecidos, outros, não pagam o tempo dispensado em assisti-los, e há também aqueles que devem ir para a lixeira, no entanto, este merece um post para multiplicar o que é bom e agrega cultura e conhecimento.
O filme, como já e de se imaginar, aborda a temática gay, no entanto, de um ponto de vista do qual nunca havia visto em nenhum filme cujo tema é abordado.
Em sua grande maioria, os personagens gays são comediantes, os filmes são de comédia e há apenas piadas, nada enriquecedor, outros, abordam a homossexualidade de maneira promiscua, relacionamentos promíscuos, sexo acima de tudo, orgias, futilidades, tudo num submundo, outros ainda, até clássicos do cinema, “me mostrem onde está a grandeza, pois não consigo enxergar”, retratam preconceito, homofobia, violência e sexo selvagem, no meio dos pastos, quase como animais, nenhum beijo, nenhum carinho, nenhum afeto, nenhuma palavra, essa é a visão dos produtores referente aos relacionamentos gays?
Confesso que ao começar a assistir ao filme, não esperava nada grandioso, nada diferente de tudo aquilo que o cinema já havia sido capaz de produzir, no entanto, me surpreendi, e muito, questiono-me agora como pode o meio cinematográfico se tão manipulatório, filmes desta categoria nunca chegam aos cinemas, por que será?
O filme simplesmente é humano, retrata os questionamentos na cabeça de um jovem que se descobre diferente, diferente dos outros, seus colegas, seus amigos, sua família, sua namorada, simplesmente diferente, um jovem com problemas familiares, como a maioria das pessoas comuns, sem fortuna, morando num casebre, trabalhando duro, lutando por uma graduação, e também abrindo mão de seus sonhos por responsabilidades que não lhe cabiam, sem palácio, sem redoma de vidro, sem carro de luxo, sem pinta de modelo, um filme que mais parece a vida real do vizinho da esquina, cujo nome está na rua agora neste momento, porque o viram com outro homem!

9 comentários:

  1. Que dica de filme legal, esse fim de semana irei a locadora procurar esse filme... se quiseres, posso te indicar outros filmes com a msm temática, ok?
    Coloquei um post, por coincidência, que o texto se refere tbém sobre o assunto...
    Abçs e até breve!

    ResponderExcluir
  2. Lindo demais esse filme...super bem produzido. Um dos melhores filmes gls que já assistir.

    abraços
    de luz e paz


    Hugo

    ResponderExcluir
  3. Nossa, também amo filmes, no cinema ou em casa, com uma bacia de pipoca e uma companhia maravilhosa como descreveste é mesmo um dos melhores lazeres que existem.
    Vou procurar o filme, será que é difícil de achar??

    Concordo que as abordagens sobre o universo gay nos filmes sempre são conforme você criticou, então pra quem está de fora, é a idéia que fica mesmo.
    Tenho um amigo gay que faz a mesma crítica. Aliás ele me falou de um filme que não sei se já foi lançado, mas é brasileiro e aborda além do homossexualismo, o incesto, pois a ligação entre 2 irmãos é tão grande que vira paixão, mas eles são irmãos de mães ou pais diferentes, não lembro. Na verdade até o nome do filme esqueci agora, rsrsrs. Já viste este?

    Valeu pela dica.
    Beijos,
    Kenia.

    ResponderExcluir
  4. OI garoto, como está?
    Menino, adoro esse filme, é lindo, chorei vendo,rs
    Sempre choro vendo filme, fazer o q né? rsrs
    Ah, vota em mim no top blog, vc vai receber um e-mail sobre seu voto, aí é só clicar pra validar, brigadão.
    Bjo
    :)

    ResponderExcluir
  5. TAMBEM ADOREI SHELTER, BELA DICA GAROTO CIENCE.

    ResponderExcluir
  6. Oi,tô sumida neh?!
    Andei na correria dos estudos.
    Como está vc?Espero q bem,gosto mt de assistir a um bom filme. Ainda não vi esse,acho q já tinha ouvido falar,o nome não me é estranho.
    Valeu pela dica
    :*

    ResponderExcluir
  7. Amei este filme também, já até fiz um post sobre ele também. Já faz um tempinho que assisti, mas foi um filme que me surpreendeu também, pensei que iria ser um filme bobinho e tal.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  8. Eu ja vi esse filme e posso dizer que é um dos mais lindos que já vi.
    Vlw pela vista la no meu blog, ja postei a II parte de meu conto sobre mim e o Guilherme.
    Bju

    ResponderExcluir
  9. acho que nao tem como nao gostar
    e um otimo filme mesmo
    e é como vc falou no começo
    nao se espera nada grandioso
    mais de repente toma rumos legais
    gostei bastante do seu blog
    bjsssssssss

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails